Quarta-feira, 14 de Outubro de 2009

Estou em Trabalhos Rurais

 

Desculpem lá meus amigos de não ter "postado" ontem. Por estes dias ando em trabalhos de vindima, a fazer um vinhito. Tenho um amigo que me dizia que aqui eu só podia fazer vinho de caruma porque só havia pinheiros. Achei piada e agora eu apelido o meu vinhito como vinho de caruma. Cuidado com ele!...

Não há nada como mexer na terra, senti-la, cheirá-la e ver as coisas que ela produz, e nós tratamo-la tão mal!

Por estes dias já retomarei a rotina habitual.

Obrigados por visitarem O Rouxinol de Pomares.

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 02:13
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De bcmantunes a 14 de Outubro de 2009
Ora viva, amigo António,
os meus cordiais cumprimentos.

Isso é que é!
Fico à espera do S. Martinho para a prova dessa PINGA... Não esquecer a jeropiga!
Força com a ruralidade! Abaixo a ociosidade!
Caríssimo, António,
desejo tudo de bom,
cordiais saudações,
Belchior Madeira Antunes
De penedo a 14 de Outubro de 2009
boa tarde , amigo" Rouxinol" como deve saber tenho sido um assiduo visitante do seu blog, mas não tenho feitos tantos comentários como seria de esperar: mas
não podia deixar de o fazer hoje ,porque espero um dia beber um copito do vinho de "CARUMA"

até á próxima e um abraço
O Penedo
De rouxinoldepomares a 14 de Outubro de 2009
E será com todo o gosto que eu lhe darei a provar o dito. Agora é deixa-lo estagiar e depois é só combinar uma vinda aqui a Pomares.
Um abraço
António Manuel Silva
De carocho a 14 de Outubro de 2009
hihihihi
Há-de ser uma rica pomada, guarda uma garrafa para o convivio de 2010.
Mas vais ter que abrir uma (ou duas) para quando eu aí for provar.
1 Abraço companheiro
De bcmantunes a 15 de Outubro de 2009
Ora viva, amigo António,
boa noite!
Ando chateado, não sei porquê... Não, não é por isso!
O Sr. Armandino Lopes Coisinha, até foi simpático, em tom de chacota, foi dizendo, que não era forreta, que até gastava muito mais em electricidade do que em tinta e papel. Bom ando chateado, não sei porquê! Se calhar é deste calor fora de época, sei lá! Diz-se na minha Terra. Nem tanto ao mar nem tanto à terra!
António as pipas querem-se bem tratadas!
Depois de um dia de trabalho! O merecido descanso.
Caríssimo, António,
desejo uma noite descansada,
cordiais saudações,
Belchior Madeira Antunes

Comentar post

.Eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.pesquisar

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. VII Capítulo da Confraria...

. Em Fátima a 13 de Maio

. Mostra de Ensino Profissi...

. A Tailândia na ARPIMS de ...

. Sra Ministra da Saúde em ...

. 2º Grande Prémio de Atlet...

. Festa Socialista em Aveir...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Comprei esta variedade nos Viveiros Valter.
Não deve ser fácil encontrar uma videira desta cas...
Ando à procura de um par de pés desta casta, mas n...
Também tenho uma de quando andava na v
Que pena pintarem as casas de branco!Eram tão lind...
Adorei o teu comentário! Não tenho mais palavras! ...
Não é preciso dizer mais nada... como sempre o ami...
Foi com gosto que apreciei esta festa de Carnaval...
Não lhe sei responder...Sei que têm vendido alguma...
A Quinta da Marqueza encontra-se para venda ?

.AVISO

Para evitar a calúnia e a difamação gratuíta, os comentários são moderados pelo autor do blog. Todos os comentários serão publicados, mas se estiver a pensar insultar ou difamar pessoas ou grupos, e de forma geral prejudicar a utilização leal deste espaço não se dê ao trabalho. Os comentários não serão publicados.