Quinta-feira, 6 de Janeiro de 2011

Pomares em Notícias...

 

Pomares em Noticias...e não Noticias de Pomares, que essas não relatam estas realidades e aconteciomentos que se passam por cá...e que levam Pomares para as bocas do Mundo pelas piores razões!

Já se falou inúmeras vezes de lixo e da Lixeira em Pomares...até já cheira mal... mas eis que na Terça Feira, dia 4, dia chuvoso e com nebelina, logo pela manhã é ateado o fogo a tudo o que é lixo ali despejado.

 

A permanência de lixo, algum com potencial tóxico,, depositado num aterro de pinhal ao longo de alguns anos a esta parte, tem feito com que eu, enquanto membro da Assembleia de Freguesia de Pomares, tenha vindo a questionar o executivo da Junta, para proceder à sua remoção, situação que o Sr. Presidente da Freguesia prometeu várias vezes resolver, sem no entanto concretizar a promessa, e a lixeira de dia para dia a avolumar-se! Aliás, tema não só tratado em sede própria, por várias vezes, na Assembleia de Freguesia de Pomares, como também aqui no Blog ( podem ver AQUI e AQUI etc.) por me preocupar com a questão ambiental e proteger a nossa freguesia de uma imagem turisticamente negativa. Este tema da lixeira foi novamente abordado por mim na ultima Assembleia de Freguesia de Pomares, em Dezembro ultimo, dado que foi tema de ultima pagina do Jornal de Arganil, numa das primeiras edições de Dezembro do ano findo, (podem ver AQUI), tendo criado algum mau estar no executivo da Junta, pelo que se depreendeu da intervenção e dos apartes do Sr. Presidente na referida Assembleia. Contudo, nesta Assembleia, o Sr. Presidente da Junta, disse estar apenas à espera da ajuda da Câmara Municipal de Arganil.  Aliás, a Lixeira de Pomares foi também tema na Assembleia Municipal. Isto é, toda a gente conhecia a Lixeira. Admito que o executivo da Junta de Freguesia de Pomares, tem estado nos ultimos tempos pressionada para que a lixeira tivesse uma solução!

 

Ontem, de acordo com informação que disponho, alguma já disponível no Facebook por parte do Jornal de Arganil, o Sr. Presidente da Junta de Freguesia diz desconhecer a origem do fogo, não explicando no entanto porque é que a lixeira nunca foi removida como assumiu perante a Assembleia de Freguesia, ou porque é que a Câmara não lhe prestou a ajuda necessária. A solução de incendiar todo o lixo, designado por "monos", algum com características aparentemente tóxicas, colchões, plásticos, pneus, latas de tinta, frigoríficos, televisões, etc (vá-se lá saber que mais), foi a pior opção para solucionar o problema, dado que foi tudo incendiado sem a preocupação de uma triagem previa de materiais, ou um inventário dos materiais ali depositados. Desconhecendo a origem do incêndio, o Sr. Presidente da Junta de Freguesia de Pomares só poderá promover as diligências necessárias e tudo fazer, para que os autores ou os mandatários de tal acto, que configura crime ambiental, sejam punidos exemplarmente. Nós ficamos a aguardar e atentos!

 

Esta forma de procedimento é uma forma típica de um país sem lei, do 3º Mundo.

 

Embora com crime, a lixeira desapareceu!!!

Os solos e os veios de água próximos podem ter ficado ou virem a ser contaminados!!!

Quem beneficiou em primeira mão com o desaparecimento da lixeira???  

 

Deixo-vos com esta pergunta e com algumas fotografias elucidativas...

 

 

A Lixeira já tem algum tempo, e era para aqui que a Junta de Freguesia concentrava os "monos" que ia recolhendo nas diversas aldeias da freguesia, em dia pré-determinado. Esta fotografia, tirada em Julho de 2009, mostra já uma lixeira com algum volume, o que contraria as declarações do Sr. PJF ao Jornal de Arganil na sua edição de 2 de Dezembro último, que culpava os empreiteiros, os sucateiros, e o lixo da acção de Limpar Portugal, que decorreu em 20 de Março de 2010. Como podem ver nesta foto, a lixeira já existia e já era enorme! 

 

 

 

Estas duas fotografias são de 4 Março de 2010, 15 dias antes da acção de Limpar Portugal e já a lixeira era enorme com lixo espalhado sem qualquer critério. O que eu em tempo, e em sede própria, sugeri, na Assembleia de Freguesia, foi que o recinto fosse vedado para disciplinar os despejos de lixos e permitir que fossem seleccionados e triados para facilitar e tornar mais rentável o envio para o respectivo destino. Como sou da oposição, as minhas opiniões jamais poderiam ser aceites...em Pomares é assim e as maiorias fazem disto: Quero, posso e mando!

 

 

Terça Feira, dia 4, de manhã, um fumo negro subia no horizonte...

As fotos que se seguem retratam a inqualificável acção!

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Será que esta imagem do Sagrado Coração de Maria que deixaram atada a este pinheiro, é a  única testemunha de quem foi o, ou os autores que incendiaram a lixeira??? Espero bem que não! 

 

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 09:46
link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De Dita a 6 de Janeiro de 2011 às 12:16

Infelizmente não há comentários a fazer as imagens dizem tudo.
Lamento que este tipo de atitude se pratique em Pomares. Que belo cartão de visita.

A impunidade mantém-se , a Câmara Municipal de Arganil fecha-se, e nada diz/faz perante este atentado ecológico


É uma VERGONHA !!!!
De Cromo a 6 de Janeiro de 2011 às 13:40
Os espertalhões dos passarões aproveitaram a ausência do sr. rouxinol e lá vai disto...
De Fio de Prumo a 6 de Janeiro de 2011 às 18:27
Boa reportagem sr. rouxinol e obrigado por por a nu as coisas que se vão fazendo cá pela nossa terra, uma coisa já é certa se não fosse o sr. as coisas nunca se saberiam.
Admiro a sua coragem...
Admiro-me que os apoiantes dos Srs. da Junta não se manifestem contra quem ateou o fogo na lixeira, porque o Sr. Presidente não disse que desconhece quem foi? É que anda tudo tão calado que até parece estranho. Só cá.
De Toino da Machôa a 6 de Janeiro de 2011 às 19:52
Boa noite sr. rouxinol e boa noite a todos os pomarenses. Bem disse a minha Felismina que áquela hora da manhã e a chover , não podiam andar a assar sardinhas lá prós lados do baldio por cima da bôcha. Onde há fumo há fogo. É que daqui da minha Machôa via-se que a coluna de fumo era tamanha que tinha que haver marosca da grossa. A minha Felismina também achou graça, ela também está como o senhor presidente, não sabe quem andou por lá a botar o fogo naquilo, mas o meu compadre Zeferino da Dores até comentou que a alguém serviu aquilo a arder, ele é que não lucrou nada, nem eu que para aqueles lados nem um palmo de terra por lá havemos. Já agora sr. rouxinol queria lhe dizer que gostei de ver as fotografias, sempre dá para ver as tristezas de Pomares e aos culpados do atentado deviam ser algemados a um pinheiro quando aquilo estava a arder.
Daqui da Machôa, boa noite a todos.
Toino da Machôa
De Anónimo a 6 de Janeiro de 2011 às 21:24
Na reunião do Executivo Municipal de 7 de Dezembro de 2010, fiz uma intervenção sobre a lixeira de Pomares e a necessidade de urgentemente ser dada uma solução para o atentado ambiental que a mesma representa, sugerindo que a Câmara Municipal, em articulação com a Junta de Freguesia de Pomares, pudesse proceder à limpeza de todo o espaço e à remoção destes resíduos para o local adequado.
Foi-me transmitido que o assunto estava a ser acompanhado e rapidamente seria resolvido.
Pelos vistos, um mês depois, a situação agravou-se o que demonstra a insensibilidade dos responsáveis locais perante a preservação ambiental do nosso Concelho, que tem nos recursos naturais o seu maior potencial.
É lamentável que a falta de articulação entre a Junta de Freguesia e a Câmara Municipal resulte neste espectáculo que em nada abona a nossa imagem.

Miguel Ventura
De rouxinoldepomares a 6 de Janeiro de 2011 às 22:19
Aos Comentadores ANÒNIMOS.

O que é retratado neste meu "post", é um assunto público e de interesse para todos os Pomarenses.

Aqueles comentadores anónimos que tentam apenas e só o insulto pessoal, sem argumentos, utilizando o insulto gratuito e o chavão de que só digo e mostro o que está mal em Pomares, não se dêm ao trabalho de comentar porque não vos dou "palco". Na coluna direita do blog está um aviso bem claro!

Compreendo o incómodo que causa a alguns, porque o que aqui está retratado é apenas a verdade. As imagens não mentem! Daria jeito a uns poucos que não existisse O Rouxinol de Pomares, nem o seu autor, mas não me peçam para me calar perante casos desta natureza que prejudicam a nossa terra.

António Manuel Silva

De Seguidor do blog a 6 de Janeiro de 2011 às 22:32
Pelas imagens que vi, do ponto de vista ambiental e ecológico se trata de um crime, e como tal deveria ser investigado e punido. Todos nos sabemos que alguns produtos mesmo completamente inofensivos, juntos podem-se tornar num cocktail altamente tóxico, ora esses produtos mais tarde ou mais cedo irão contaminar nascentes ou napas freáticas. O que me leva a pensar que isso foi obra de algum estúpido ignorante, felizmente a ignorância ainda se pode combater mas a estupidez não tem remédio...
Mas como na vida nada se perde tudo se transforma, quem sabe, talvez um dia justiça será feita e esse individuo venha a saborear um copo desse bem precioso que é a agua... Infelizmente contaminada
De bcmantunes a 6 de Janeiro de 2011 às 23:16
Viva, meu caro amigo António Manuel Silva, cordiais cumprimentos.
Estranhamente, quando os Autarcas da CMA e da JFP, se sentiram pressionados eis que a Lixeira de Pomares, Arganil, Coimbra, Portugal, arde!
Ardeu pouco mais há a fazer! Pode ser que o Sagrado Coração de Maria faça o milagre de os descobrir.
O protagonista do crime sabia que não podia ser visto.
A propósito de sardinhas!
Se fosse uma insignificante fogueira para queimar uns insignificantes resíduos ou assar umas sardinhas para matar os desejos ou a fome, aparecia logo alguém para mostrar que anda(m) atento(s) e que têm poder...
Porque não apareceram nesta ocasião?
Eles sabem quem foi, a que mando!
Pensem Nisso!
Caríssimo, António Manuel Silva, desejo tudo de bom.
Um abraço,
Belchior Madeira Antunes
De Anónimo a 7 de Janeiro de 2011 às 10:04
Bem eu não entendo uma coisa: como é que o senhor presidente, diz que o fogo foi deitado de noite se a 4ªe a 5ª fotografia deste poster nos mostra o contrario.
Esta lixeira teve o mesmo destino, que a que estava situada na estrada que vai para a Barroja, que também a destruíram da mesma forma, e o presidente da junta era o mesmo.
Isto é um problema para as autoridades competentes investigarem. Por aquilo que eu já ouvi dizer em Pomares, já se andam a desculpar com terceiros, que é de muito mau carácter.
Se fosse eu a pessoa que andam a acusar, não ficava com as mãos atadas, e não se haveriam de rir de mim como se andam a rir dele/a. Mas pelo que já ouvi falar dessa pessoa a mesma já está a mexer os cordelinhos.....assim é que é coragem.
De Antena Pomarense a 7 de Janeiro de 2011 às 18:52
Eu é que não sou ceguinho, cá na terra sempre houve uns quantos que fizeram aquilo que lhes apeteceu por pensarem que têm o rei na barriga, fazem a porcaria e depois põem as culpas a outros, porque de coragem estamos conversados, mas desta vez pode ser como o cantaro, que tantas vezes foi à fonte que um dia ficou em cacos.

Comentar post

.Eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.pesquisar

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. VII Capítulo da Confraria...

. Em Fátima a 13 de Maio

. Mostra de Ensino Profissi...

. A Tailândia na ARPIMS de ...

. Sra Ministra da Saúde em ...

. 2º Grande Prémio de Atlet...

. Festa Socialista em Aveir...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Visitas

conter12

.últ. comentários

Que pena pintarem as casas de branco!Eram tão lind...
Adorei o teu comentário! Não tenho mais palavras! ...
Não é preciso dizer mais nada... como sempre o ami...
Foi com gosto que apreciei esta festa de Carnaval...
Não lhe sei responder...Sei que têm vendido alguma...
A Quinta da Marqueza encontra-se para venda ?
Que catastrófe as imagens dão arrepios.bjshttp//bl...
Impressionante! Ainda bem que nada lhes aconteceu.
Parabéns à Junta de Freguesia de Pomares, por as m...
A familia de minha Mãe de apelido Silva Campos é d...

.AVISO

Para evitar a calúnia e a difamação gratuíta, os comentários são moderados pelo autor do blog. Todos os comentários serão publicados, mas se estiver a pensar insultar ou difamar pessoas ou grupos, e de forma geral prejudicar a utilização leal deste espaço não se dê ao trabalho. Os comentários não serão publicados.