Segunda-feira, 14 de Novembro de 2011

Uns dias por Riachos e Golegã

 

Tal como acontece pelo país fora, as Feiras são sempre um local de encontro. A Feira de S. Martinho da Golegã não foge à regra, e é aí que se encontra muita gente da "aficion", gente famosa do mundo tauromáquico, e aqui, por feliz coincidência, encontraram-se o Luís Rouxinol, figura conhecida do mundo equestre, e "moi même", o Rouxinol de Pomares, e juntos com o amigo António José Barroso, posámos para a posteridade e para que conste! 

 

 

Antigo cartaz de uma actuação do cavaleiro Luís Rouxinol que encontrei numa "adega" particular de um aficionado.

 

 

Foram os amigos Barroso que me convidaram para visitar a Feira de S. Martinho da Golegã, uma feira famosa, que atrai gente de todo o país e do estrangeiro, com especial destaque para os vizinhos espanhóis. Nestes dias fizeram-nos companhia os nossos conterrâneos e amigos do Soito da Ruiva, Adelina e José Niz, e Anita e António Neves, também amigos de longa data do casal de Riachos.

 

 

Em Riachos, em casa dos Barroso, não podemos ser melhor recebidos. Estamos, e somos tratados como familiares, o que dispensa todos os adjectivos para descrever a forma cordial e franca como nos recebem. É um spectáááculoooo, como diria um amigo nosso!!!

 

 

E, no que concerne à amesendação, nem é bom falar...só vendo! O amigo António José Barroso, tem dedo para o "tempero", e a esposa Teresa é uma especialista em coisas que nos vão aumentando as calorias, mas a que é difícil resistir.

Na foto, o António José a dizer: Ó Rouxinol tira aqui uma foto ao "gato" que está a assar!... 

 

 

Eis o almoço de sábado...escondido, e ao lume das brasas de lenha de oliveira. Confesso que estava uma delicia, cujo acompanhamento foram umas migas de grelos, que o António José é especialista a confeccionar. Estão lembrados do super e saboroso almoço de migas de bacalhau nas tasquinhas de Arganil, na barraquinha de Pomares deste ano? Quem o fez, foi o amigo António José!

 

 

Tersa Barroso aos comandos de um dos fogões...

 

 

A Adelina Niz estava aos comandos de outro fogão noutra cozinha contígua, a aprontar um arroz doce á moda da Serra do Açor!

 

 

José Niz aos comandos de uma picadora 1-2-3, a "picar" a broa para as migas. Toda a gente participou nas tarefas de amesendação, menos eu, que fui registando estes belos momentos...

 

 

O "desembrulhar" do "gato"...a carne estava já no ponto e pronta para fatiar. Tratava-se de entrecosto temperado e assado da forma como viram!

 

 

A mesa onde a boa disposição e a boa amesendação andaram de mãos dadas, ou melhor, aqui é sempre assim!...

 

 

Os dias passados com os Barroso são sempre preenchidos. Deu para ver as oliveiras carregadas de azeitona...

 

 

A Adelina Niz, "encantada" com um ramo de oliveira carregado de azeitonas.

 

 

Na quinta dos Barroso deu para apanhar e comer  romãs, madurinhas, da árvore...

 

 

Deu para ir apanhar tangeras, que as laranjas e as tangerinas ainda não estão no ponto...

 

 

Vai haver doce (compota), de tangeras...

 

No post a seguir...mais fotografias desta estadia em Riachos e Golegã.

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:52
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De bcmantunes a 15 de Novembro de 2011
Ãããããã, entendi-te!
Está explicado!...
Viva meu caro amigo António Manuel Silva & amigos, Barroso, Niz. Fazendo uso de ditado; os amigos dos meus amigos meus amigos são!
Não há vida como a do campo!
Mas Rouxinol que se preze tem de ser de Pomares. Aquele Rouxinol só grita para os touros.
Caríssimo, António Manuel, é sempre agradável visitar este espacito. Desejo tudo de bom.
Grande abraço,
Belchior Madeira Antunes
De rouxinoldepomares a 15 de Novembro de 2011
Ó amigo Belchior Madeira Antunes, ah! pois é!!!
Bom dia!
Também concordo que não há vida como a do campo, mesmo cheirando a cavalo...
Resto de bom dia e até um dia destes.
Abraço
António
De Teresa Neves a 15 de Novembro de 2011
Bom dia amigo Rouxinol!

Como sempre belas fotos...Acredito que tenha passado um excelente fim-de-semana, a interessante Feira do Cavalo acompanhada dos petiscos dos Barroso... incomparáveis, de comer e chorar por mais.
Esta familia Barroso é realmente fantástica... Gente simples, amiga do seu amigo e com uma humildade incrível. Bons exemplos de vida! Conheço poucos assim.
Um abraço para os Barroso.
De rouxinoldepomares a 15 de Novembro de 2011
Olha a amiga Teresa Neves que julgava por terras de Alá!
Boa noite!
Aqui o Rouxinol anda por terras de gente amiga, gente de caracter excepcional, incrivel, e nunca me esqueço que foi graças à pequena aldeia da nossa freguesia, o Soito da Ruiva, aquela pequena aldeia dinâmica, que conheci esta familia fabulosa que são os Barroso. Através dos Barroso, também já conheci gente indiscritível em termos de afecto e franqueza. Gosto muito da nossa Serra do Açor, da nossa freguesia de Pomares e do concelho de arganil de onde sou natural, mas sou um fã incondicional do Ribatejo, não pela paisagem que é diferente, mas pelas pessoas, que são do melhor que conheci em toda a minha vida. Sobre Riachos e sobre a vida agricola já aprendi muito e ainda quero continuar a aprender porque o cheiro do campo é o melhor cheiro do mundo, e não há Chanel que se lhe compare!
Abraço amiga Teresa Neves e bem vinda aqui ao espaço do Rouxinol. Para a próxima vá comer as migas connosco!

De Teresa Neves a 16 de Novembro de 2011
Olá amigo Rouxinol!
Não, agora estou mesmo em terras lusas por uns tempos... por terras de Alá só em 2012 "Incha Ala" . É que o mesmo "Coelho" que lhe impediu o "passo" de comprar um computador novo, também me parece que vai impedir o "passo" aos meus clientes para viajar... vamos ver o que nos espera!
Um abraço
De António Simões a 15 de Novembro de 2011
Boa noite António,

Excelente reportagem, isso é que é vida.
O casal Barroso são pessoas com coração do tamanho do mundo, acredito a alegria que tiveram em estar entre amigos, têm divulgado bem essa terra de gente generosa e de trabalho que é Riachos.
Para eles um grande abraço com muita saúde e alegria.
Para o amigo Rouxinol uma "chapelada" ;-).

António Simões
De rouxinoldepomares a 15 de Novembro de 2011
Olá grande amigo António Simões.
Pode crer o meu amigo que estar em Riachos, em casa dos Barroso, é sinónimo de ser bem tratado, não sofrer de solidão e jamais ter fome e sede...
A água-pé em Riachos tem no mínimo 13º, coisa pouca, o pior é subir os degraus...e as migas? Nem lhe conto...
Um abraço e obrigado pela "chapelada" do costume!

Comentar post

.Eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.pesquisar

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. VII Capítulo da Confraria...

. Em Fátima a 13 de Maio

. Mostra de Ensino Profissi...

. A Tailândia na ARPIMS de ...

. Sra Ministra da Saúde em ...

. 2º Grande Prémio de Atlet...

. Festa Socialista em Aveir...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Será que já ninguém sabe a diferença entre diâmetr...
Comprei esta variedade nos Viveiros Valter.
Não deve ser fácil encontrar uma videira desta cas...
Ando à procura de um par de pés desta casta, mas n...
Também tenho uma de quando andava na v
Que pena pintarem as casas de branco!Eram tão lind...
Adorei o teu comentário! Não tenho mais palavras! ...
Não é preciso dizer mais nada... como sempre o ami...
Foi com gosto que apreciei esta festa de Carnaval...
Não lhe sei responder...Sei que têm vendido alguma...

.AVISO

Para evitar a calúnia e a difamação gratuíta, os comentários são moderados pelo autor do blog. Todos os comentários serão publicados, mas se estiver a pensar insultar ou difamar pessoas ou grupos, e de forma geral prejudicar a utilização leal deste espaço não se dê ao trabalho. Os comentários não serão publicados.