Terça-feira, 20 de Novembro de 2012

Ao Crepitar da Lareira...

 

Longe vão os tempos em que ao redor do crepitar da lareira se conversava, se contavam estórias, e se transmitia o saber de geração em geração. Tantas foram as lareiras testemunhas da troca de saberes, de amores e de beijos escaldantes, em serões das longas noites de Inverno. Hoje, a lareira crepita indiferente ao ruído da telenovela da Tv, que teima entrar pelos nossos sentidos, que estão presos nas rubras brasas e no crepitar da lareira, que nos leva os pensamentos para além do universo...

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 00:18
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Odete a 21 de Novembro de 2012
Poético, o que acima escreve.
É verdade!
Também eu vivi no Sobral Gordo até aos 12 anos, sem a “famosa luz ecléctica”. Televisão? Quase sem sabia o que isso era. Os serões do inverno eram passados à lareira com longos diálogos, grandes incitamentos, enormes lições de vida.
Tudo isso me está na lembrança, tal como a imagem do meu avô Antonino a torrar-me o pão no chão da lareira, ainda me lembro do sabor.
Sim!…Longe vão os tempos, mas lembranças e as boas recordações ficarão eternamente!
Um abraço!
De Glória Marques. a 21 de Novembro de 2012
Tenho muitas saudades desse tempo; era tudo mais real. ((Ó TEMPO VOLTA PARA TRÁS)) Para eu ficar mais nova. Beijinhos.

Comentar post

.Eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.pesquisar

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. VII Capítulo da Confraria...

. Em Fátima a 13 de Maio

. Mostra de Ensino Profissi...

. A Tailândia na ARPIMS de ...

. Sra Ministra da Saúde em ...

. 2º Grande Prémio de Atlet...

. Festa Socialista em Aveir...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Será que já ninguém sabe a diferença entre diâmetr...
Comprei esta variedade nos Viveiros Valter.
Não deve ser fácil encontrar uma videira desta cas...
Ando à procura de um par de pés desta casta, mas n...
Também tenho uma de quando andava na v
Que pena pintarem as casas de branco!Eram tão lind...
Adorei o teu comentário! Não tenho mais palavras! ...
Não é preciso dizer mais nada... como sempre o ami...
Foi com gosto que apreciei esta festa de Carnaval...
Não lhe sei responder...Sei que têm vendido alguma...

.AVISO

Para evitar a calúnia e a difamação gratuíta, os comentários são moderados pelo autor do blog. Todos os comentários serão publicados, mas se estiver a pensar insultar ou difamar pessoas ou grupos, e de forma geral prejudicar a utilização leal deste espaço não se dê ao trabalho. Os comentários não serão publicados.