Quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

Outono em Pomares II

Outono em Pomares II

 Lá, do outro lado, a Portelinha!

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 21:58
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 17 de Novembro de 2010

Portelinha - Um Bairro de Pomares

 

Já há muito tempo, demasiado até, que não "posto" nada sobre este bairro da nossa terra. É um bairro bem situado, em relação à disposição da nossa aldeia, porque está em local solarengo no Inverno, que tem as suas vantagens indiscutíveis em matéria de economia energética, e dispõe ainda de uma boa vista sobre toda a aldeia. É um bairro em que muita coisa está ainda por fazer, e, nesse campo tem sido tratado ao longo dos anos como mais periférico do que o é na realidade. As suas ruas, valetas, iluminação pública e o saneamento básico não têm acompanhado a evolução que se verificou ao longo dos últimos 30 anos no núcleo central de Pomares.

Quando se trata de fazer uma analise critica sobre determinado assunto na nossa terra, sei que muitas das vezes as minhas palavras são interpretadas por algumas pessoas com um sentido que não correspondem à verdade, desvirtuando até aquilo que escrevo. Contudo, sei que também há pessoas isentas e de bom senso que sabem que sou oportuno e tenho razão, e também sabem que se dependesse de mim, Pomares estaria com muito melhor qualidade de vida para os seus habitantes, porque nenhum interesse me move a não ser a nossa terra.

 

   

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:42
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Segunda-feira, 17 de Maio de 2010

Portelinha. Que pressa era aquela?!!!

 

Lembram-se? Recordem aqui.

 

Passados que são mais de 7 meses após as eleições, e passado que está um inverno com lama e os transtornos previsiveis para quem mora naquele bairro de Pomares, eis que chegou o momento de perguntar onde está o alcatrão ou empedrado que falta aqui? Já agora, onde está a ETAR que era para começar em Abril? E os esgotos estão ligados onde? Continua tudo na mesma...o povo é sereno...

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:51
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
Terça-feira, 15 de Setembro de 2009

É a Sério?

 

Estas tubagens já há algum tempo que estão aqui, e muita gente ficou contente com a chegada do desejado saneamento básico há muito esperado. Finalmente estava a chegar à Portelinha. Hoje passei por lá para "ver para crer" e fui ver "in loco" o ínicio dos trabalhos. Congratulo-me que finalmente estejam a olhar para este bairro de Pomares, que tem estado um pouco esquecido, (um pouco, é favor) e afastado de melhoramentos de que tanto necessita. Mesmo assim é dos bairros de Pomares mais carenciados em infra-estruturas. É só dar por lá uma voltinha...

Voltando ao saneamento básico e olhando para o inicio dos trabalhos, não pude deixar de me questionar sobre o seguinte:

- Se não existe ETAR para onde vão ser ligados os tubos?

- Se não existe fossa comum, para onde vão ser ligados os tubos?

- Quanto tempo demorarão os trabalhos?

- Se o trabalho não é para acabar num período de tempo razoável, porquê o inicio dos mesmos às portas do inverno e tempo chuvoso? É para haver mais lama para os moradores?

Quem souber que responda! E o que desejo é que eu esteja enganado e que a ETAR esteja feita daqui a um mês ou dois e que esteja tudo alcatroado antes do Natal!

 

 

Nós sabemos que as obras trazem sempre sacrifícios para os moradores. É compreensível, mas o que não é compreensível é o facilitismo. Compreende-se que a rua esteja vedada ao transito, mas não se compreende que não haja passagem a peões e sem alternativa por perto.  Uma chapa de ferro ou umas tábuas resolvia o problema. Nestas pequenas coisas percebe-se a sensibilidade de uma autarquia em relação aos seus munícipes. Infelizmente não é só a interioridade que nos afasta do litoral...

 

 

Não se pode passar mesmo...

 

 

As pessoas primeiro...uma simples chapa ou tábuas para a gente passar não é pedir demais.

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:01
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Sexta-feira, 29 de Maio de 2009

Portelinha- antiga entrada de Pomares

 

Portelinha, antiga entrada de Pomares, antes da existência da actual estrada Avô-Pomares, há cerca de cento e poucos anos, é hoje um dos bairros que compõe a nossa aldeia.

Na maioria das fotos de Pomares, raramente aparece este bairro da Portelinha, devido ao vale e à configuração em anfiteatro da nossa terra, e porque o melhor local para fotografar Pomares é exactamente nas costas deste bairro que obviamente fica oculto. O mesmo acontece com o bairro do Tinte.

É por esse motivo que hoje dedico este post à Portelinha, um bairro simpático e soalheiro de Pomares, que tenho esperança que em acções futuras de intervenção por parte do poder autárquico venha a ter as beneficiações que tanto merece e que os moradores tanto anseiam.

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 02:06
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Segunda-feira, 13 de Abril de 2009

Páscoa 2009

 

Ano após ano, nas nossas aldeias, ainda que em moldes diferentes de antigamente, lá se vai cumprindo a tradição de levar a Cruz a todos os lares. A missão, tal como nos anos anteriores, coube ao Manuel Faustino que aqui vemos no bairro da Portelinha.

É assim a Páscoa. É assim a Fé.

 

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 18:41
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2009

Pomares... do outro lado de lá!

 

Pomares tem uma disposição natural em anfiteatro e um dos pontos soalheiros e de vistas privilegiadas é exactamente aqui, de onde foi obtida esta foto. Do cimo da Portelinha pode ver-se o bairro do Tinte lá ao fundo, e aqui próximo, esta casa, no sítio onde os melros cantam.

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 01:09
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Domingo, 2 de Novembro de 2008

A Ponte das Promessas

Já lá vão uns anos largos que por ali não passava. Aqui há dias fui lá de propósito, assim como vou de propósito a muitos recantos da nossa terra, para obter uma foto. Faltava-me mostrar aqui no blog a Ponte das Promessas, já por diversas vezes aqui nomeada por comentadores mais inspirados e de forma irónica. Confesso que fui sozinho, como habitualmente ando nestas coisas de fotografar, e, mesmo sozinho, não consegui conter um " Ah ! ora bolas !..." que me saiu sonoramente, e se alguém por perto escutasse, por certo iria dizer que eu até já falava sozinho. Bom, não é caso para menos, digo eu...

Segundo julgo saber, já há muito que se prometia tal passagem, para encurtar a distância entre o Povo e a Portelinha, daí o seu nome, que aliás reconheço ser um nome bem escolhido e reflecte per si todo o significado e a utilidade da mesma para a população que habita naquele bairro. O caminho é feito pelo leito de um ribeiro, quando seco. O que me espanta, é que foram precisos tantos anos para fazer "aquilo" e tantos anos que já passaram desde Abril, e de acessos nem esboço. Bem sei que é melhor que nada, para um bairro de Pomares que é a Portelinha, maior do que muitas aldeias, e que ainda hoje não tem sistema de saneamento. O que me espanta também,  é a falta de ambição, a visão futura, enfim muita coisa haveria para dizer...

 

Obviamente que tenho a noção que estamos numa zona rural e numa aldeia rural, mas não impede que os acessos sejam pelo menos melhores do que na idade média.

Repare-se em dois pequenos pormenores: 

 

- A placa a assinalar a inauguração e o respectivo pedestal é quase tão grande como a largura da ponte...preocupação do empreiteiro em facturar mais um saco de cimento, ou preocupação política ?

 

- O desnível da ponte e os acessos contrastam com a apregoada mobilidade da zona da praia fluvial para acesso de pessoas com deficiência, ou pessoas com dificuldade motora, inaugurada com pompa e circunstância com a imprensa a dar eco. Podemos concluir que esta ponte está vedada a idosos e utilizadores de cadeira de rodas por exemplo, quer pela ponte, quer pelos acessos que se mantêm como sempre os conheci, muito antes do poder local ser eleito.

Ah !!! 34 anos só para isto ! Ora bolas!

 

Para as pessoas de Pomares que residem na Portelinha, resta-lhes a esperança de não terem gente envelhecida, gente com deficiência motora, e esperança que algum dia alguém acelere a conclusão do saneamento para que chegue lá e que alguém se lembre que é preciso arranjar um caminho digno por este ribeiro.

Até lá resta-nos contemplar a roupa colorida que estendem a secar, que anuncia como outrora a proximidade de uma ribeira.

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 00:11
link do post | comentar | ver comentários (37) | favorito
Quarta-feira, 30 de Julho de 2008

Instantâneos II

 

Passei pela Portelinha e esta fonte datada de 1964, segundo apurei, só foi pintada uma única vez. Não sobrou por aí um bocadito de tinta nestes anos todos? Vá lá, não tratem a Portelinha como um suburbio! Pomares também é ali!

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 01:13
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
Sábado, 5 de Abril de 2008

Descubra as diferenças!

 

Descubra as diferenças!

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 16:33
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 31 de Janeiro de 2008

A estrada para a Portelinha

 

Cada vez que penso na Portelinha ou vejo esse bairro de longe, vem-me à memória a estrada para esse bairro, e o "famoso" alcatroamento de que foi alvo no final do ano.  Voltamos ao tema do alcatrão, porque mesmo que me esforce para esquecer, cada vez que penso naquela infeliz estrada, interrogo-me porque teria sido ela e Pomares os escolhidos para "levar" com uma coisa daquelas!

 

Talvez esteja aqui a explicação!

Quando dos trabalhos daquela "obra prima", um camião carregado com umas toneladas, perdeu o controle e despenhou-se antes de chegar ao destino, deixando a totalidade da carga a alcatroar um terreno de pinhal.

 

Terá feito falta?

 

Como diria um amigo meu, "scolhoutro"!

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 00:27
link do post | comentar | favorito

.Eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.pesquisar

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Outono em Pomares II

. Portelinha - Um Bairro de...

. Portelinha. Que pressa er...

. É a Sério?

. Portelinha- antiga entrad...

. Páscoa 2009

. Pomares... do outro lado ...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Visitas

conter12

.últ. comentários

Que pena pintarem as casas de branco!Eram tão lind...
Adorei o teu comentário! Não tenho mais palavras! ...
Não é preciso dizer mais nada... como sempre o ami...
Foi com gosto que apreciei esta festa de Carnaval...
Não lhe sei responder...Sei que têm vendido alguma...
A Quinta da Marqueza encontra-se para venda ?
Que catastrófe as imagens dão arrepios.bjshttp//bl...
Impressionante! Ainda bem que nada lhes aconteceu.
Parabéns à Junta de Freguesia de Pomares, por as m...
A familia de minha Mãe de apelido Silva Campos é d...

.AVISO

Para evitar a calúnia e a difamação gratuíta, os comentários são moderados pelo autor do blog. Todos os comentários serão publicados, mas se estiver a pensar insultar ou difamar pessoas ou grupos, e de forma geral prejudicar a utilização leal deste espaço não se dê ao trabalho. Os comentários não serão publicados.