Quinta-feira, 4 de Agosto de 2016

Riachos - Bênção do Gado - 2016 (2)

 

Benção do Gado - Riachos 2016 (4)

Este segundo post sobre a Bênção do Gado, dedico-o ao desfile, de características etnográficas, onde o gado e as máquinas que substituíram a força animal e humana marcam presença, algumas delas, impressionantemente enormes e sofisticadas, como terão a oportunidade de ver em mais de uma centena de fotografias que seleccionei. Poderia ainda falar sobre a lenda do Senhor Jesus dos Lavradores, e justificava-se, mas remeto-vos para o post que escrevi em 2012, (clicar aqui).
Compreenderão porque dou destaque a alguns dos amigos que conheço em Riachos, é natural, não acham (?); à família Barroso, que tão bem me recebe sempre que os visito, ao seu patriarca, que do alto dos seus 90 anos ainda conduz o seu tractor e participa no desfile, ao André Barroso, um jovem que se dedica à agricultura, e que vive as tradições com a alma de quem ama a sua terra, ao vizinho Simões, que no seu pequeno moto-cultivador, decorado a preceito, desfila com a sua cadela Boneca, qual desfilante compenetrado da sua missão; um "must". Destaco o amigo José Inverno, a sua esposa Dora  que desfilam nas suas maquinas sofisticadas de apanha de tomate, e são tão só, os maiores produtores de tomate de Portugal. Destaco ainda o impressionante tractor Case 340 Magnum, cuja roda me ultrapassa em altura, e cujo volume é impressionante. Destaco ainda na fotografia 37, do lado direito, dois pomarenses, que só os vi quando editei a fotografia.
O desfile da Bênção do Gado de Riachos que se realiza de 4 em 4 anos, é uma manifestação de fé, de etnografia, de memórias, e de alegria de um povo que ao decorar, enfeitar as suas ruas e casas da forma como o faz, merece ser aplaudido pelo esforço e dedicação a uma causa que é a nossa identidade. Gosto de Riachos. Cada vez gosto mais da vossa terra! Esta centena de fotografias são o prémio que vos posso dar! Parabéns!!!

Benção do Gado - Riachos 2016 (1)

Benção do Gado - Riachos 2016 (2)

Benção do Gado - Riachos 2016 (3)

Benção do Gado - Riachos 2016 (5)

Benção do Gado - Riachos 2016 (6)

Benção do Gado - Riachos 2016 (7)

Benção do Gado - Riachos 2016 (8)

Benção do Gado - Riachos 2016 (9)

Benção do Gado - Riachos 2016 (11)

Benção do Gado - Riachos 2016 (12)

Benção do Gado - Riachos 2016 (20)

Benção do Gado - Riachos 2016 (13)

Benção do Gado - Riachos 2016 (15)

Benção do Gado - Riachos 2016 (16)

Benção do Gado - Riachos 2016 (17)

Benção do Gado - Riachos 2016 (18)

Benção do Gado - Riachos 2016 (19)

Benção do Gado - Riachos 2016 (14)

Benção do Gado - Riachos 2016 (21)

Benção do Gado - Riachos 2016 (22)

Benção do Gado - Riachos 2016 (23)

Benção do Gado - Riachos 2016 (24)

O Case 340 Magnum.

Benção do Gado - Riachos 2016 (25)

 

Benção do Gado - Riachos 2016 (26)

Vejam, (cliquem aqui), para verem uma viagem alucinante e divertida que fiz nesta charrete, na Golegã em 2011.

Benção do Gado - Riachos 2016 (27)

Benção do Gado - Riachos 2016 (35)

Benção do Gado - Riachos 2016 (28)

Benção do Gado - Riachos 2016 (30)

Benção do Gado - Riachos 2016 (31)

Benção do Gado - Riachos 2016 (32)

José Simões, agricultor.

Benção do Gado - Riachos 2016 (33)

Benção do Gado - Riachos 2016 (34)

Benção do Gado - Riachos 2016 (29)

Benção do Gado - Riachos 2016 (36)

Benção do Gado - Riachos 2016 (37)

Benção do Gado - Riachos 2016 (38)

Benção do Gado - Riachos 2016 (39)

Benção do Gado - Riachos 2016 (40)

Benção do Gado - Riachos 2016 (41)

Benção do Gado - Riachos 2016 (42)

Benção do Gado - Riachos 2016 (50)

António José Barroso e a familia mais pequenina.

Benção do Gado - Riachos 2016 (43)

O patriarca Barroso, que aos 90 anos desfila no seu trator, e além disso é um excelente conversador.

Benção do Gado - Riachos 2016 (45)

Benção do Gado - Riachos 2016 (46)

Benção do Gado - Riachos 2016 (47)

Benção do Gado - Riachos 2016 (48)

Benção do Gado - Riachos 2016 (49)

André Barroso

Benção do Gado - Riachos 2016 (44)

Benção do Gado - Riachos 2016 (51)

Benção do Gado - Riachos 2016 (52)

Benção do Gado - Riachos 2016 (53)

Benção do Gado - Riachos 2016 (55)

Benção do Gado - Riachos 2016 (56)

Teresa Barroso

Benção do Gado - Riachos 2016 (57)

 

Benção do Gado - Riachos 2016 (66)

Benção do Gado - Riachos 2016 (58)

Benção do Gado - Riachos 2016 (60)

Benção do Gado - Riachos 2016 (62)

Benção do Gado - Riachos 2016 (63)

Benção do Gado - Riachos 2016 (64)

Benção do Gado - Riachos 2016 (65)

Benção do Gado - Riachos 2016 (59)

Benção do Gado - Riachos 2016 (67)

Benção do Gado - Riachos 2016 (68)

Benção do Gado - Riachos 2016 (69)

Benção do Gado - Riachos 2016 (70)

Benção do Gado - Riachos 2016 (71)

Benção do Gado - Riachos 2016 (72)

Benção do Gado - Riachos 2016 (81)

Benção do Gado - Riachos 2016 (73)

Benção do Gado - Riachos 2016 (75)

Benção do Gado - Riachos 2016 (76)

Benção do Gado - Riachos 2016 (77)

Benção do Gado - Riachos 2016 (78)

Benção do Gado - Riachos 2016 (79)

Benção do Gado - Riachos 2016 (74)

Benção do Gado - Riachos 2016 (82)

Dora Inverno

Benção do Gado - Riachos 2016 (83)

José Inverno

Benção do Gado - Riachos 2016 (84)

Benção do Gado - Riachos 2016 (85)

Benção do Gado - Riachos 2016 (86)

Benção do Gado - Riachos 2016 (87)

Benção do Gado - Riachos 2016 (95)

Benção do Gado - Riachos 2016 (88)

Benção do Gado - Riachos 2016 (90)

Benção do Gado - Riachos 2016 (91)

Benção do Gado - Riachos 2016 (92)

Benção do Gado - Riachos 2016 (93)

Benção do Gado - Riachos 2016 (94)

Benção do Gado - Riachos 2016 (89)

Benção do Gado - Riachos 2016 (96)

Benção do Gado - Riachos 2016 (98)

Benção do Gado - Riachos 2016 (99)

Benção do Gado - Riachos 2016 (100)

Benção do Gado - Riachos 2016 (101)

Três gerações Barroso

Benção do Gado - Riachos 2016 (102)

 Familia Barroso e convidados.

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:20
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 2 de Agosto de 2016

Riachos - Benção do Gado - 2016 (1)

 

Passaram quatro anos desde que assisti pela primeira vez à Bênção do Gado, a festa de Riachos, que se realiza de quatro em quatro anos. Sou um serrano, e é fácil de adivinhar que tudo a que  tive oportunidade de assistir, ver e presenciar, constituiu novidade para mim. É certo que passados quatro anos, lá estou eu a percorrer as ruas de Riachos de máquina pronta a disparar e a colher estas imagens, que tenho a oportunidade de partilhar convosco.
Era noite dentro quando saí de Riachos, mas o convívio com a família Barroso, a quem devo o convite para assistir aos festejos, prende-nos pela simpatia e pela franqueza com que somos recebidos. Não posso deixar de me lembrar que conheço esta família, e entretanto muitas mais em Riachos, graças aos meus conterrâneos do Soito da Ruiva, que também disseram presente este ano, com a habitual excursão que realizam para irem à Bênção do Gado. Este ano até outros pomarenses estiveram presentes pela primeira vez, mas lamentavelmente não registei em foto esse acontecimento.  
Este primeiro post, constituído por mais de meia centena de fotografias, mostrar-vos-à as ruas decoradas, onde a cada porta se expõe uma mensagem que pode ir da devoção até às memórias de antigas profissões, que foram o ganha pão dessas famílias. O que sobressai, em cada uma, em cada esquina, é o o carinho, o empenho que todos têm em preservar as suas memórias e as expõem para memória futura. Noto como exemplo, e pela proximidade que tenho à família Barroso, o tempo e a dedicação que dispensam a este acto que vivem com emoção, trajando a rigor de outros tempos, e transmitindo esses mesmos valores aos mais pequeninos.
Só se gosta quando se conhece, e eu gosto de Riachos, das suas gentes que são "abertas" como são os campos do Ribatejo.

 Benção do Gado Riachos 2016 (2)

Benção do Gado Riachos 2016 (3)

Benção do Gado Riachos 2016 (4)

Benção do Gado Riachos 2016 (5)

Benção do Gado Riachos 2016 (6)

Benção do Gado Riachos 2016 (14)

Benção do Gado Riachos 2016 (7)

Benção do Gado Riachos 2016 (9)

Benção do Gado Riachos 2016 (10)

Benção do Gado Riachos 2016 (11)

Benção do Gado Riachos 2016 (12)

Benção do Gado Riachos 2016 (13)

Benção do Gado Riachos 2016 (8)

Benção do Gado Riachos 2016 (15)

Benção do Gado Riachos 2016 (16)

Benção do Gado Riachos 2016 (17)

Benção do Gado Riachos 2016 (18)

Benção do Gado Riachos 2016 (19)

Benção do Gado Riachos 2016 (20)

Benção do Gado Riachos 2016 (21)

Benção do Gado Riachos 2016 (29)

Benção do Gado Riachos 2016 (22)

Benção do Gado Riachos 2016 (24)

Benção do Gado Riachos 2016 (25)

Benção do Gado Riachos 2016 (26)

Benção do Gado Riachos 2016 (27)

Benção do Gado Riachos 2016 (28)

Benção do Gado Riachos 2016 (23)

Benção do Gado Riachos 2016 (30)

Benção do Gado Riachos 2016 (31)

Benção do Gado Riachos 2016 (32)

Benção do Gado Riachos 2016 (33)

Benção do Gado Riachos 2016 (34)

Benção do Gado Riachos 2016 (35)

Benção do Gado Riachos 2016 (36)

Benção do Gado Riachos 2016 (44)

Benção do Gado Riachos 2016 (37)

Benção do Gado Riachos 2016 (39)

Benção do Gado Riachos 2016 (40)

Benção do Gado Riachos 2016 (41)

Benção do Gado Riachos 2016 (42)

Benção do Gado Riachos 2016 (43)

Benção do Gado Riachos 2016 (38)

Benção do Gado Riachos 2016 (45)

Benção do Gado Riachos 2016 (46)

Benção do Gado Riachos 2016 (47)

Benção do Gado Riachos 2016 (48)

 

A comunidade do Soito da Ruiva (Pomares-Arganil), passeia pelas ruas de Riachos

Benção do Gado Riachos 2016 (49)

Benção do Gado Riachos 2016 (50)

 António José Barroso prepara para nós uma paella servida na sua Quinta.

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:42
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 27 de Novembro de 2013

Chez Barroso

 

Nesta casa somos sempre bem vindos e recebidos de braços abertos. Os meus amigos Barroso, de Riachos, são gente de trabalho, de trabalho do campo, agricultores, gente genuína e boa, que eu prezo, estimo ter como amigos, e tenho sempre imenso prazer em visitá-los. Há um tempito que não passava por Riachos, até porque estes amigos são gente de trabalho, e para nos darem atenção roubamos-lhe tempo, que para eles é precioso. Já tenho assistido à sua labuta diária, e como sou filho e neto de quem viveu do campo sei dar o valor e admiro o trabalho da terra. Obrigado amigos e bom trabalho.  

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 22:48
link do post | comentar | favorito
Sábado, 4 de Agosto de 2012

Bênção do Gado - Riachos (4)

 

Começo este meu ultimo post sobre a festa da Bênção do Gado em Riachos com uma fotografia dos meus amigos, e vou dedica-lo à Teresa e ao António José Barroso, aos filhos, aos netos e à família Barroso, e desta forma ao povo de Riachos, pela amizade e simpatia com que tenho sempre sido tratado, e por tudo o que tenho aprendido sobre a vida do campo, da labuta diária, da agricultura e do amor à terra.

Um abraço para os meus amigos extensivo ao povo de Riachos.

Diz a lenda...que nos primórdios da idade média, um grupo de lavradores de Riachos andavam a lavrar os campos com juntas de bois de trabalho. Estes sempre que passavam em determinado local ajoelhavam-se. Estranhando o comportamento dos animais, os lavradores foram cavar o local onde os bois se detinham e aí depararam com um túmulo em pedra onde estava uma imagem em madeira de Jesus Crucificado. Limparam-na e foram-na entregar à Igreja de Santiago em Torres Novas por não haver igreja em Riachos. É essa imagem que se tornou conhecida como Senhor Jesus dos Lavradores que 4 em 4 anos regressa a Riachos transportada em carro de bois, regressando depois a Torres Novas.

 

 

A familia Barroso

 

 

O avô Barroso com 86 anos conduzindo o seu trator...

 

 

António José Barroso, que tem um trator que "anda" sozinho...

Sentado numa cadeirinha a vê-lo passar, um amigo comum, José Niz de Soito da Ruiva.

 

 

André Barroso, conduzindo as suas duas juntas de "bois" de madeira que ele próprio construiu para o desfile etnográfico. Ao lado a Dora, sua mulher, e ao fundo a pegar na charrua um primo. 

 

 

António José desfila com dois atrelados que transportam um pedaço da sua actividade de agricultor...

 

 

Os legumes e milho numa "quinta" ao vivo e a sério improvisada em cima de um atrelado...

 

 

 

...e bastante apludida...

 

 

No segundo atrelado a Raquel Barroso  distribuía fatias de melancia...

 

 

Os amigos aplaudiam...

 

 

Fugir...que as rodas são pesadas...

 

 

Desfile...

 

 

Desfile...

 

 

Ao volante...Dora Inverno...

 

 

Conduzindo uma sofisticada máquina de apanha de tomate...

 

 

José Inverno...

 

 

Desfile...uma imagem tipica do Ribatejo...

 

 

E porque a festa é a Benção do Gado...os bois de trabalho não podiam faltar no desfile...

 

 

 

Outra imagem típica do Ribatejo...

 

 

Desfile...

 

 

Desfile...

 

 

No desfile até os cães têm o seu lugar...com óculos e tudo...

 

 

Condução de gado...

 

 

Os cabrestos são conduzidos com rigor e sabedoria...e pompa...

 

 

E porque o mundo rural é um mundo de paz...a largada de pombos também fez parte do desfile...

 

 

E para que fique nas nossas memórias...uma fotografia dos nossos conterrâneos do Soito da Ruiva ( Pomares) com a familia Barroso de Riachos... e desta vez também lá estou...

 

 

 

E porque a Adelina Niz era aniversariante...logo surgiu o bolo de aniversário...

 

 

Apagou as velas e cantou-se-lhe os parabéns...

Assim foi um dia passado em Riachos, junto de amigos e conterrâneos para assistir a uma festa rural, única e de rara beleza. Daqui a quatro anos lá estaremos...  

 

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:56
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 30 de Julho de 2012

Bênção do Gado - Riachos (1)

 

Estive em Riachos para assistir à Bênção do Gado, uma festa popular e religiosa onde a agricultura comanda os destinos e a vida desta vila ribatejana. Estou a preparar e a escolher fotografias de algumas centenas que captei...

Falarei da família Barroso ( na foto, António José Barroso desfila com a família), que me convidou para assistir ao desfile etnográfico da Bênção do Gado, o ponto alto de uma festa de cariz popular e religioso que se realiza de 4 em 4 anos.

 

 

Aqui a mostra da produção agrícola dos Barroso...e uma forma de enfeitar os reboques dos tractores que substituíram o trabalho dos animais...

 

 

Mostrarei esse belo animal que é o cavalo...e o rigor com que os donos se aprumam para o desfile...

 

 

Uma imagem típica do Ribatejo...

 

 

Mostrarei também as ruas enfeitadas e as pinturas murais...algumas lindíssimas e de execução artística fora do vulgar...um trabalho excelente!

E mostrarei ainda, os nossos conterrâneos do Soito da Ruiva que aí estiveram também em excursão a convite dos amigos Barroso...

Até amanhã!

 

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:59
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 19 de Setembro de 2011

Dois Dias em Riachos

 

Por convite do casal Barroso, nossos amigos agricultores de Riachos, fui assistir a algumas tarefas agrícolas que me despertavam alguma curiosidade, principalmente pela área territorial abrangida. Por isso estive dois dias em Riachos, onde, diga-se, não podia ter sido melhor recebido.

Conheci o casal Barroso por serem amigos do casal Niz de Soito da Ruiva, e dando jus ao ditado popular, amigo do meu amigo, meu amigo é! Não podia haver melhor exemplo, a Teresa Barroso e o António José Barroso são cinco estrelas como diz o amigo Niz, e eu já o comprovei por mais do que uma vez! Ter amigos destes, que visitam e conhecem Pomares é um privilégio. Há ainda um facto curioso que vos quero confidenciar: No sábado, andava eu em cima de um super tractor, quando o amigo António José me passa o telemóvel onde uma voz feminina anunciava que vinha almoçar connosco! Era a Adelina e o José Niz que directamente do Algarve e em período de férias vieram almoçar com os amigos a Riachos! É um espectáculo, como alguém diria!

Penso que já estamos situados no contexto, mas os dois dias que passei em Riachos foram uma realidade diferente a que um serrano de origem, como eu, não está habituado. Nestes próximos dias irei mostrar-vos imagens da debulha do milho, da apanha de tomate, de plantação de couves, de gente, porque o melhor são as pessoas, e por falar em pessoas, comecei com esta primeira foto de um tractor conduzido pelo proprietário, agricultor e amigo, António José Barroso.

Se já admirava o esforço dos agricultores de Portugal, depois destes dois dias em Riachos fiquei-lhes com muito mais admiração, e um profundo respeito pela sua louvável e nobre actividade.

 

 

A ceifeira debulhadora que tem uma capacidade de tratamento de cerca de 30 toneladas por hora. Impressionante o milho a sair limpinho para o reboque...

 

 

Depois de acumular cerca de cinco toneladas no seu bojo, a ceifeira debulhadora despeja o milho no grande reboque.

 

 

 

Um aspecto do transvase do milho da ceifeira para o reboque...

 

 

A acompanhar a ceifeira debulhadora, as garças boieiras que não mostram qualquer medo das máquinas, procuram alimento...

 

 

Mostrar-vos-ei a imensidão dos campos, a terra plana das lezírias ribatejanas...um mundo diferente para um serrano da Serra do Açor...

 

 

Como disse, o melhor são as pessoas, e voltarei a mostra-vos a Suse que aqui está aos comandos da carrinha... 

 

 

Em pleno campo os amigos Adelina e José Niz com a Teresa Barroso...

 

 

Nabos...

 

 

Directamente da terra prova-se a beterraba, vermelha e doce...

 

 

E eu nunca na minha vida tinha visto tantos grelos juntos...

 

Amanhã, mais fotografias...

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 23:26
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Terça-feira, 12 de Julho de 2011

A Visita a Riachos II

 

Continuando... e porque o dia foi profícuo em matéria fotográfica, por agora vamos tratar da visita a Fátima e às Grutas de Alvados, e finalizamos o post com a chegada à quinta dos nossos amigos Barroso, de Riachos. No post seguinte falaremos da amesendação na Quinta, de pimentos, de tomates, e de como se viaja em autocarro em campos de milho, e ainda de Folclore...continuando!...

Chegados a Fátima, um friozinho danado, impróprio para quem ia de manguinha curta, penetrava no osso, e enquanto a maioria foi alimentar a alma, outros preferiram repartir a alimentação pelo corpo e pela alma. No post anterior já viram aqueles que primeiro alimentaram o corpo e agora deixo-vos com algumas imagens do Santuário de Fátima e da visita às entranhas da Terra, as Grutas de Alvados.

 

 

 

Penitências e promessas (!)...

 

 

A Fé e a admiração do Papa João Paulo II...

 

 

Chegada às Grutas de Alvados...situadas no Parque Natural da Serra de Aire e Candeeiros, permite-nos observar as esculturas que a natureza foi criando ao longo de mais de 50.000 anos no maciço calcário da Estremadura. As estalactites ainda estão "vivas" e em crescimento, com uma progressão de 1 centímetro a cada 100 anos. Facilmente olhamos para formações calcárias de grande concentração de calcites com muitos milhares de anos. Estas grutas foram descobertas em 1964. Aconselho uma visita porque ao vivo e com a explicação dos guias é mais interessante do que as fotos que vos deixo aqui.

 

 

 

 

 

O guia...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Formação calcária que se foi formando debaixo de água, cujo nível actual é muito mais baixo do que há uns bons milhares de anos, dando-lhe este aspecto de couve-flôr.

 

 

 

Este é provavelmente um dos locais mais belos das grutas, e não será por acaso que o designam por "A Catedral".

 

 

E porque não é todos os dias que descemos ao interor da Terra, quiz assinalar a minha passagem, pelo que me fiz aparecer no "boneco"...e a mancha no pólo não é da amesendação, é uma "pinga" que caiu das alturas e se ali permanecesse uns bons milhares de anos ainda "virava" estalagmite...

 

 

Visitadas as Grutas e já dentro do autocarro... que a hora da amesendação aproximava-se...

 

 

Descendo a Serra de Aires, rumo à planície ribatejana...à terra plana como lhe chamam...

 

 

Chegámos à Quinta dos amigos Barroso...

 

 

Saciámos a sede...

 

 

...e saciámos a fome...

 

Amanhã, no post a seguir...as outras fotos...e a continuação da estória...

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 00:39
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 11 de Julho de 2011

A Visita a Riachos I

 

Ora cá estou de volta! Vou falar da visita aos amigos de Riachos, de um dia "cheio", de muita animação, camaradagem e alegria, e de como uma pequena aldeia da Beira Serra, o Soito da Ruiva, consegue ter tantos amigos. Falarei também do que vimos e sentimos, de...

 

 

...de como se começa um dia num local santo...a beber do tinto e do branco...

 

 

...a comer e a rir...

 

 

...porque um dia de excursão é de convívio e deve começar-se com o estômago aconchegado!!!

 

 

... falarei de Fátima...

 

 

...falarei da visita às grutas de Alvados e da sensação de andar debaixo de chão, numa visita a milhares de anos...

 

 

...da chegada à Quinta dos amigos Barroso...

 

 

do Rancho Folclórico de Riachos, que actuou exclusivamente para nós...

 

 

...falarei de muitos e muitos hectares de milho...

 

 

...de super-melâncias, docinhas e suculentas...

 

 

...de muitos hectares de pimentos...

 

 

...de muitos hectares de tomates...

 

 

...uma super lição de agricultura e do que uma excursão de dois autocarros provoca num campo de pimentos e tomates!

Na foto Teresa Barroso mostra os tomates dos Barroso...

 

 

...falarei também de porcos que são "vidrados" em pimentos...

 

 

...falarei também de fotografia...e de muitas coisas mais, mais logo, aqui no Blog d' O Rouxinol de Pomares...

 

 

 

 

 

 

sinto-me:
publicado por rouxinoldepomares às 15:09
link do post | comentar | favorito

.Eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.pesquisar

.Maio 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Riachos - Bênção do Gado ...

. Riachos - Benção do Gado ...

. Chez Barroso

. Bênção do Gado - Riachos ...

. Bênção do Gado - Riachos ...

. Dois Dias em Riachos

. A Visita a Riachos II

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Visitas

conter12

.últ. comentários

Que pena pintarem as casas de branco!Eram tão lind...
Adorei o teu comentário! Não tenho mais palavras! ...
Não é preciso dizer mais nada... como sempre o ami...
Foi com gosto que apreciei esta festa de Carnaval...
Não lhe sei responder...Sei que têm vendido alguma...
A Quinta da Marqueza encontra-se para venda ?
Que catastrófe as imagens dão arrepios.bjshttp//bl...
Impressionante! Ainda bem que nada lhes aconteceu.
Parabéns à Junta de Freguesia de Pomares, por as m...
A familia de minha Mãe de apelido Silva Campos é d...

.AVISO

Para evitar a calúnia e a difamação gratuíta, os comentários são moderados pelo autor do blog. Todos os comentários serão publicados, mas se estiver a pensar insultar ou difamar pessoas ou grupos, e de forma geral prejudicar a utilização leal deste espaço não se dê ao trabalho. Os comentários não serão publicados.